Notícias

Exame Toxicológico Ocupacional – o que sua empresa precisa saber?

22 julho 2021

Você sabia que a exigência de exames toxicológicos vai muito além de quem está atrás do volante? Esse exame já é comum para renovar a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) para motoristas profissionais e não profissionais, mas existem outras áreas da indústria que precisam manter o mesmo controle dos seus funcionários.

Selecionamos alguns segmentos:

  • Alimentação
  • Automobilística
  • Baterias
  • Borracha e derivados
  • Colas, plásticos e resinas
  • Construção Civil
  • Petroquímica e combustíveis
  • Metalurgia e fundição
  • Química
  • Têxtil, calçados e indústria do couro
  • Vidros e cerâmicas
  • Tintas e vernizes

 

Basicamente, esse exame toxicológico ocupacional é obrigatório para estudar duas vertentes: a chance do funcionário contaminar uma linha de produção inteira, como também a chance dele próprio ser contaminado devido sua exposição a alguma substância nociva.

 

Por isso, cada segmento requer exames específicos, avaliando indicadores biológicos distintos. No geral, todos dependem de uma simples coleta de sangue ou urina. Pesquise a legislação referente à sua área de atuação e conte com o Biocenter Laboratório de Análises Clínicas, em Piracicaba, para testar seus colaboradores com total confiança!

 

Mais notícias

Lavar as mãos: um hábito simples que protege sua saúde

Lavar as mãos: um hábito simples que protege sua saúde

Desde muito cedo ouvimos alguém nos pedir para lavar as mãos. Parece até amolação, não é mesmo? Com a pandemia do novo coronavírus, porém, esse mesmo pedido adquiriu status e tom mais críticos. Virou quase que uma questão de vida ou morte. Mas por que tanta ênfase...

ler mais
Hepatites virais: tudo o que você precisa saber

Hepatites virais: tudo o que você precisa saber

Hepatite viral é uma doença infecciosa que ataca o fígado, causando alterações leves, moderadas ou graves. É tida como um problema sério de saúde mundial. No Brasil, as ocorrências mais comuns são causadas pelos vírus A, B e C. Em menor quantidade, também há registros...

ler mais